Quercus Levanta-se contra a pobreza

Ainda que os discursos oficiais apontem para a preocupação dos políticos em relação ao problema da erradicação da pobreza, os dados apontam no sentido contrário. No sentido de alertar para a necessidade de serem cumpridos os Objectivos do Milénio e de recordar que a cada dia que passa 50 mil pessoas morrem de pobreza extrema e o fosso entre ricos e pobres aumenta, em 2006, neste mesmo dia, 23,5 milhões de pessoas, em todo mundo, levantaram-se contra a pobreza.

 

Esta mobilização global permitiu estabelecer um recorde do Guiness, que se espera possa ser ultrapassado em 2007.

 

A Quercus – ANCN adere este ano à iniciativa “Levanta-te e Faz-te Ouvir” enquanto parceira da Oikos – Cooperação e Desenvolvimento, da Amnistia Internacional e dos Médicos do Mundo no âmbito do consórcio Pobreza Zero. Ao aderir a este consórcio a Quercus reconhece a ligação existente entre pobreza e degradação ambiental e procura contribuir para o debate e acção em torno deste grave problema que continua a marcar o presente 

 

A Quercus apela aos seus dirigentes, associados, simpatizantes e não simpatizantes a que adiram à iniciativa “Levanta-te e faz-te ouvir”, no sentido de atingir o objectivo de envolver, pelo menos, 50 mil portugueses.

 

Para que as acções desenvolvidas por cada um de nós possam ser contabilizadas para o resultado global, é fundamental fazer o registo da iniciativa. Para tal, bem como para aceder a informações mais pormenorizadas sobre os objectivos da iniciativa ou para aceder a recursos que facilitam a mobilização, aceda a www.pobrezazero.org

 

 

O que são os Objectivos do Milénio?

 

Em 2000, durante a assembleia-geral da ONU, 189 chefes de Estado e de Governo assinaram a Declaração do Milénio que levou à formulação de 8 objectivos de desenvolvimento, a alcançar até 2015. Os Objectivos de Desenvolvimento do Milénio (ODM) assentam na premissa de reduzir para metade a pobreza extrema até 2015, e são:

- Reduzir para metade a pobreza extrema e a fome;

- Alcançar o ensino primário universal;

- Promover a igualdade entre os géneros;

- Reduzir em 2/3 a mortalidade de crianças;

- Reduzir em 3/4 a taxa de mortalidade materna;

- Combater o VIH/SIDA, a malária e outras doenças;

- Garantir a sustentabilidade ambiental;

- Criar uma parceria mundial para o desenvolvimento;

 

 

 

Share

 

Quercus TV

 

Espreite também a Quercus TV.

 

 

Quercus ANCN ® Todos os direitos reservados
Alojamento cedido por Iberweb